ANTIDOPING

Conheça o CÓDIGO MUNDIAL ANTIDOPAGEM atualizado de acordo com a WADA-AMA. O Código é o documento que regulamenta todas as ações de combate ao Doping no esporte.
O Brasil incorporou o Código Mundial Antidopagem à Legislação Brasileira através do Código Brasileiro Antidopagem.

Onze Regras Antidopagem previstas no Código


Conheça as onze regras antidoping previstas no Código Mundial Antidoping da WADA:
1. Presença de uma substância proibida na Amostra de urina ou sangue do atleta.
Uma substância proibida é detectada pelo Laboratório na Amostra de urina ou sangue do Atleta.
2. Uso ou Tentativa de Uso de substância proibida.
A violação desta regra pode ser detectada pelo Passaporte Biológico do Atleta .
3. Evasão ou Recusa a submeter-se ao controle de doping.
Após receber uma notificação de que será submetido ao controle de doping o Atleta que Recusar ou fugir poderá ser punido com até quatro anos de suspensão de todas as atividades esportivas.
4. Falha de localização
Alguns Atletas são solicitados a informar toda a sua rotina, incluindo um local em que poderá ser encontrado nos períodos fora de competição para que seja testado. O Atleta que não for encontrado, por 3 vezes consecutivas num período de 12 meses responderá por violação a esta regra.
5. Fraudar ou tentar fraudar um controle de doping.
São diversas possibilidades, como inocular uma substância na amostra para que “neutralize” a detecção de substâncias proibidas, substituir a urina por urina de outra pessoa e utilizar urina artificial; interferir no proces de coleta de amostra, fornecer documentos falsos ou mentir quando convocado a testemunhar sobre uma suspeita de doping, são alguns exemplos.
6. Posse de substâncias proibida
Não pode Possuir aquilo que é proibido.
7. Tráfico de substância proibida.
Não comercialize ou faça contrabando, do que é proibido, algumas substâncias proibidas podem também ser legalmente proibidas em muitos países. Fique atento pois além de violar uma regra antidoping, o tráfico de algumas substâncias é crime em muitos locais.
8. Administrar substância proibida a Atleta.
Esta regra é direcionada ao Pessoal de Suporte ao Atleta. Treinadores, médicos e até dirigentes de entidade esportiva que administrarem substância proibida a Atleta serão julgados e punidos por violação a esta regra.
9. Cumplicidade
Assistir, encorajar, ajudar, incentivar, conspirar, encobrir ou qualquer outra forma intencional de ser cúmplice de uma violação de regra antidoping ou de uma tentativa de violar a regra.
10. Associação Proibida
Uma Pessoa suspensa por doping não poderá exercer qualquer atividade no mundo do esporte. Aquele que se Associar a alguém cumprindo suspensão por doping terá violado esta regra.
11. Retaliar ou desencorajar quem denuncia doping
É uma violação da regra antidoping atuar desencorajando ou retaliando, de qualquer forma, uma pessoa que denuncia doping.

Conheça a LISTA DE SUBSTÂNCIAS E MÉTODOS PROIBIDOS atualizada de acordo com a WADA-AMA

Conheça o CÓDIGO BRASILEIRO ANTIDOPAGEM atualizado de acordo com a ABCD

Entenda como funciona a AUTORIZAÇÃO PARA USO TERAPÊUTICO para a utilização de substância ou método proibido

Autoridades Antidopagem

conheça a autoridade brasileira antidopagem

A ABCD - Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem é a autoridade de coleta, teste, gestão de resultados e educação antidopagem. É responsável pela cultura antidopagem por meio da coordenação de ações educativas, bem como de controle de dopagem nas diversas manifestações esportivas.

educação antidoping

ADEL

ADELWADA-AMA

A plataforma mundial de Educação e Aprendizagem Antidopagem (ADEL) da Agência Mundial Antidopagem WADA-AMA. ADEL oferece acesso a todos os tópicos relacionados ao Esporte Limpo e Antidopagem, com cursos para Atletas, Treinadores, Médicos, Pais e qualquer interessado em aprender mais sobre Antidopagem.

Conheça a campanha #JogoLimpo da ABCD

Conheça o guia preparado pelo COB para pais e educadores.

processo controle de dopagem

direitos e deveres do atleta

Documentos & Informações Relevantes

Código Mundial Antidopagem

Acesse o Código Mundial Antidopagem atualizado de acordo com a WADA-AMA.

Código Brasileiro Antidopagem

Acesse o Código Brasileiro Antidopagem atualizado de acordo com a ABCD.

Lista de Substâncias e Métodos Proibidos

Acesse a Lista de Substâncias e Métodos Proibidos atualizado de acordo

Autorização de Uso Terapêutico (AUT)

Acesse o Padrão Internacional para Autorização de Uso Terapêutico da WADA-AMA.

International Standard for Education (ISE)

Padrões para a implementação de programas de educação antidopagem no mundo.

International Standard for Results Management (ISRM)

Padrão Internacional para gestão de resultados para consistência da tratativa de violações de regras.

International Standard for Code Compliance by Signatories (ISCCS)

Padrão Internacional para implementação consistente de regras e programas antidopagem.

International Standard for Testing and Investigations (ISTI)

Padrão Internacional para testagem e investigação.

International Standard for Laboratories (ISL)

Padrão Internacional para análise de amostras pelos laboratórios credenciados de controle de dopagem.

International Standard for the Protection of Privacy and Personal Information (ISPPPI)

Padrão Internacional para proteção da privacidade e informações pessoais dos atletas.

Certificado #JogoLimpo

Certificado emitido pela ABCD da adesão da CBDN ao programa #JogoLimpo.

X